0 comentário(s)

[FIERN] IEL: 4 benefícios do programa de estágio para sua empresa

Importante para o crescimento profissional de jovens talentos em início de carreira, o estágio é uma etapa fundamental para quem deseja ingressar no mercado de trabalho. Quando as empresas ofertam vagas de estágio, possibilitam que estudantes coloquem em prática conhecimento e técnicas adquiridos durante o ensino superior ou profissional.

Segundo a Associação Brasileira de Estágios (Abres), em 2020, havia mais de 8 milhões de alunos no ensino médio e técnico, porém apenas 214 mil estagiavam. Já no ensino superior, 8,4 milhões de pessoas estavam matriculadas em faculdades e universidades e, dessas, só 686 mil tinham um estágio. Na mesma época, o Instituto Euvaldo Lodi (IEL) fez a conexão entre mais de 700 instituições de ensino com 5.600 empresas, que resultou na contratação de 37 mil estagiários por todo Brasil.

Alguns empreendedores, quando pensam nos funcionários do seu negócio, focam a atenção apenas nas principais funções e cargos da empresa, deixando de notar outras soluções que poderiam ser bem interessantes, como desenvolver um programa de valorização de jovens talentos por meio do estágio.

Para conscientizá-los, elencamos quatro benefícios que os programas de estágio oferecem para empresas de todos os portes. Confira:

 

1. Novos talentos

Para as empresas, o programa de estágio representa a possibilidade de recrutar, capacitar e descobrir novos talentos para compor o quadro de funcionários. Isso é vantajoso para a imagem da empresa, já que as organizações que investem na formação de jovens são bem vistas pela sociedade e ganham mais credibilidade no mercado.

 

2. Parcerias de ensino

Ao oferecer vagas de estágio, as organizações também criam uma parceria com as instituições de ensino, que facilita o fluxo de informações sobre os avanços conceituais e tecnológicos da área de atuação dos estudantes e da empresa.

 

3. Multiplica conhecimento

Por meio do programa de estágio, a empresa contrata e desenvolve o perfil profissional das pessoas de acordo com a missão e os valores da instituição. Com isso, multiplica a cultura e ensina as competências esperadas pela empresa.

 

4. Renovação experiente

A empresa economiza com processos seletivos, pois pode contratar os antigos estagiários que já trazem a bagagem de conhecimento que precisam. Além disso, ao efetivá-los, a instituição possibilita que o profissional reveja processos e desenvolva novas habilidades enquanto ensina os próximos estagiários.

 

IEL lança websérie para empresas capacitarem estagiários

Para que as empresas saibam preparar esses estudantes durante o período de estágio, o IEL lançou a websérie Foco na Carreira. Inspirado nas plataformas de streaming, o IEL vai oferecer esse novo serviço com o objetivo de que os jovens aprendam sobre o mercado de trabalho enquanto assistem a uma série divertida e leve sobre estágio.

O conteúdo está disponível na plataforma de Educação Executiva e, além de vídeos, conta com áudios e atividades interativas para manter o estagiário atento ao conteúdo. Postura profissional, diversidade de gerações, trabalho em equipe e transformação digital são alguns dos temas abordados durante os episódios.

“Vamos oferecer a expertise dos programas de educação empresarial para que jovens talentos atuem nas organizações e desempenhem importantes habilidades. A ideia é aproveitar a tendência das maratonas de seriados e trazer a mesma experiência para o processo de desenvolvimento de pessoas, de forma on-line”, destaca o superintendente do IEL, Eduardo Vaz.

Para acessar a websérie, as empresas podem assinar dois tipos de planos: o semestral por indivíduo, que oferece a possibilidade de acesso mobile, certificado do IEL de 18 horas de curso e relatórios de desempenho mensais; e o licenciamento anual, sem limite de colaboradores por CNPJ com modelo de oferta definido pela própria empresa em seus canais de treinamento.

 

Fonte: FIERN

0 comentário(s)

[SENAC RN] ALUNOS DO CURSO GARÇOM DO BARREIRA ROXA OFERECEM DEGUSTAÇÃO DE BEBIDAS ARTESANAIS PARA EMPRESÁRIOS

Encerrando as atividades do curso de Garçom, alunos do Programa Senac de Gratuidade capricharam no trabalho de conclusão de curso e prepararam momentos especiais com degustação e apresentações de cerveja e cachaça artesanais. Os eventos foram realizados no Café Dorian Grey, do Hotel-Escola Senac Barreira Roxa, com participação de empresários convidados, além a diretoria de educação profissional e equipe pedagógica do Senac RN.

Os trabalhos foram realizados em parceria com a Cervejaria Holanda e Cachaça San Valle, e contaram como pontuação para o Projeto Integrador, unidade curricular que acontece paralelamente aos demais módulos do curso e tem como objetivo apresentar as competências adquiridas pelos estudantes.

Na tarde da segunda-feira (19), a turma vespertina recebeu uma comitiva de empresários locais que atuam no segmento de cervejaria para apresentação do trabalho “IPA – Incentivo Potiguar Artesanal”, que teve como proposta falar sobre a importância da produção local no mercado. Após apresentação, os alunos serviram os empresários em uma degustação de cinco tipos da bebida produzida pela Cervejaria Holanda.

Convidado especial, o proprietário da cervejaria, Alysson Holanda, destacou sobre o cuidado do Senac Barreira Roxa em formar profissionais que valorizem a cultura e produção potiguar. “ Foi extremamente pertinente esse trabalho, pois quando fazemos essa ligação entre o produtor regional e a pessoa que está tendo o contato com o consumidor final, como no caso dos garçons, o Senac abre os olhos para esse profissional e coloca ele como um porta-voz das empresas locais e que vai contribuir ainda mais na experiência do cliente e do turista com nossa região, o turismo como um todo acaba sendo muito favorecido. Então o Senac está de parabéns pela formação desses profissionais”, disse o empresário.

á na sexta-feira (23), foi a vez da turma matutina receber os convidados que atuam no segmento da cachaçaria. Em parceria com a Cachaça San Valle, os alunos apresentaram cinco tipos de cachaça produzida pela empresa potiguar e apresentaram o trabalho  “Sustentabilidade na Produção da Cachaça”.

“Essa é uma excelente iniciativa. Estou muito grato pelo convite e me sinto muito honrado em ver o reconhecimento do nosso esforço em produzir a cachaça com um olhar atento à sustentabilidade ambiental. Foi um trabalho muito importante apresentado hoje pelos alunos e nós vemos que, além do Senac preparar profissionais para o atendimento, está incentivando eles a indicarem os produtos locais. Estou muito grato por poder participar desse momento”, declarou o empresário Geraldo Sabino, proprietário da Cachaça San Valle.

Viabilizadas através do PSG – programa que tem como objetivo oferecer qualificação profissional gratuita para pessoas de baixa renda – as turmas concluintes entregam à sociedade 13 profissionais certificados com a excelência do ensino Senac. Para o instrutor Kennedy Santos, o trabalho coroou o fim de um intenso período de aprendizado e o início de uma nova etapa na carreira profissional de cada aluno.

“Meu sentimento hoje é de realização, como educador. Essa turma é formada por jovens que não tinham nenhum conhecimento sobre essa ocupação e, através da oportunidade de fazer o curso gratuito, se encontraram em uma profissão e hoje eles já vislumbram uma carreira nesse mercado, sobretudo com o entendimento da importância em valorizar a cultura e o mercado local”, declarou o instrutor.

Para concluir o curso, os alunos precisaram cumprir cerca de três meses de aulas, além de um estágio prático de nove dias no Restaurante Navarro, do Hotel-Escola Senac Barreira Roxa. Um diferencial oferecido aos alunos da instituição, que podem, sob supervisão profissional, vivenciar a rotina real do mercado. Satisfeito com o resultado apresentado , o aluno Paulo Cesar agradeceu a oportunidade e falou sobre os planos para o futuro.

“Foi uma experiencia incrível poder encerrar o curso atendendo pessoas tão importantes em nossa jornada profissional, como a equipe pedagógica do Senac e empresários desse segmento, para mim foi muito gratificante. Hoje estou muito grato ao Senac e ao instrutor por todo o aprendizado adquirido. Meu desejo agora é colocar todo esse aprendizado em prática, continuar me especializando ainda mais nessa área e penso em um dia ser um maitre”, disse.

Além dos empresários convidados, os eventos contaram com a participação do diretor de educação profissional do Senac RN, Gedson Nunes, da gestora de qualidade e crescimento, Fernanda Ledebour, da gestora da unidade Barreira Roxa, Glenda Jamille, da coordenadora do eixo de gastronomia , Louise Matias e da equipe pedagógica do Senac Barreira Roxa.

 

Fonte: Senac RN

0 comentário(s)

[FIERN] Artigo Presidente FIERN – Reforma Tributária: ilusão ou verdade

Há muitos anos milito como dirigente de entidades representativas dos empreendedores potiguares e nacionais. Desde o início ouço com frequência: precisamos de uma reforma tributária! E, mesmo reconhecendo avanços, tal reforma – como sempre planejada – ainda não chegou.

O Estado, no contexto geral, precisa de dinheiro para cumprir suas múltiplas funções. Fato! Existem desvios e desperdícios, mas eventuais deformações não afastam o dever de contribuir e a necessidade de que o aparato tributário exista e alcance seus diversos propósitos. Aliás, dentre os quais, a tributação além de ser um instrumento de justiça social, deve estar inserido no ambiente temático do desenvolvimento regional e, em sentido mais amplo, um item de qualquer debate sobre produção, geração de empregos e distribuição de renda. Portanto, o documento de arrecadação não deve ser entendido apenas como um formulário qualquer… Ele tem vários outros sentidos e propósitos.

Por representar tanto e por ser, naturalmente, tão complexo, nunca foi fácil debater e encaminhar uma reforma tributária no Brasil. Existem grupos mais organizados e até Regiões que resistem às mudanças que muitos defendem; existem segmentos que justificam uma abordagem específica; existem interesses políticos – e até eleitorais – que, não raro, também estão inseridos no debate, quase sempre apaixonado, dos temas que devem compor a reforma tributária. Não é fácil; não tem sido fácil!

O tema, novamente, está em pauta. Os empreendedores defendem regras mais claras, objetivas que façam, de um lado, a máquina tributária brasileira ser mais ágil e, sob outro aspecto, tornem a produção e o empregos menos onerosos. Em apertada síntese, em 2020, a carga tributária bruta foi de 31,64% do PIB. O número é expressivo, mas já foi maior! Ocorre que os gastos públicos representam significativo peso e são crescentes, o que exige um esforço arrecadatório maior. Todavia, existe um limite de contribuição para os contribuintes que, com o devido respeito a quem pensa o contrário, já está há muito ultrapassado.

A reforma tributária, neste sentido, necessária e, portanto, verdadeira, deve ser precedida da análise dos gastos públicos. Como gastar menos e melhor, eis a questão! Em seguida, neste mesmo exigente exercício de diálogo com a sociedade, os Governos e seus respectivos Parlamentos precisam, ouvindo os que desejam colaborar com o debate, efetivar uma reforma que, em resumo, a meu sentir: melhore a burocracia, fazendo-a mais clara e transparente; estimule a produção e o emprego; imponha limites aos gastos do setor público; diminua alíquotas, aumente prazos; promova o desenvolvimento regional.

Ademais, a reforma tributária é importante e precisa avançar no Congresso Nacional e, consequentemente, nos Estados e Município. Mesmo reconhecendo os avanços já consolidados, notadamente, o uso da tecnologia, muito se tem a fazer para que a reforma tributária se efetive. Deixe, enfim, de ser uma ilusão e se torne verdade!

Amaro Sales de Araújo, industrial, presidente do Sistema FIERN e diretor da CNI

 

Fonte: FIERN

0 comentário(s)

[SENAC RN] FECOMÉRCIO RN ASSINA CONVÊNIO PARA IMPLANTAÇÃO DO DEL TURISMO EM GALINHOS, NO LITORAL NORTE DO RN

O presidente do Sistema Fecomércio RN, Marcelo Queiroz, assinou, na manhã desta sexta-feira (23), contrato para implantação do Programa de Desenvolvimento Econômico Local (DEL Turismo), no município de Galinhos, litoral Norte do RN.

A cerimônia para assinatura do convênio foi realizada no plenário da Câmara Municipal da cidade, com a participação do prefeito, Francinaldo Silva, do vice-prefeito, José Carlos,  da presidente da Câmara Municipal de Galinho, Rosélia Rodrigues, do secretário de turismo da cidade, Saulo Leão, do diretor regional do Senac, Raniery Pimenta, e representantes do trade turístico local. A equipe de consultoria do Senac RN que integra o DEL fez uma apresentação do programa, bem como os resultados já alcançados no estado desde a sua implantação, em 2018.

Galinhos passa a ser o quinto município potiguar a implementar o DEL. São Miguel do Gostoso, Tibau do Sul, Parnamirim e Tibau, na região Oeste, já executam a metodologia alemã, que tem como proposta unir os setores atuantes no segmento, como repartições públicas, iniciativa privada, terceiro setor e técnicos, para trabalharem de forma conjunta na gestão do turismo local.

“O DEL trará ao município de Galinhos um planejamento de futuro baseado em conceitos como otimização, profissionalização e eficiência. Uma linha de trabalho que certamente renderá muitos frutos para toda a economia do município, com reflexos diretos, profundos e positivos no dia a dia da população”, declarou o presidente da Fecomércio RN, Marcelo Queiroz.

Inserido na parceria que o Sistema Fecomércio RN desenvolve com o estado alemão da Renânia-Palatinado e com a Federação das Associações Empresariais de Santa Catarina (Facisc), o DEL executa  uma metodologia  de gestão do desenvolvimento econômico com foco no fortalecimento da cadeia turística dos municípios.

O prefeito de Galinhos, destacou a importância do município aderir ao programa no contexto de retomada da atividade turística. “Após vivenciarmos um período trágico na nossa cidade, com os prejuízos causados ao nosso turismo pela pandemia Covid, vivemos agora a retomada. Nesse momento, é fundamental estarmos unindo forças com instituições como Fecomércio e Senac, que são entidades com alto conhecimento técnico e que sabem o que nosso município e região precisa. Essa parceria vai render muitos frutos, sobretudo em relação à profissionalização da nossa população para receber o turista.  Com o DEL iremos capacitar profissionais para trabalhar nessa área tão importante para Galinhos. Minha gratidão ao Sistema Fecomércio RN pela oportunidade, é um privilégio para Galinhos ser mais um município potiguar com o selo DEL turismo”, disse Francinaldo Silva.

Saiba mais – O DEL Turismo é estruturado com base em um Conselho e Câmaras Técnicas. A ideia é unir os setores atuantes no segmento, como repartições públicas, iniciativa privada, terceiro setor e técnicos, para trabalharem de forma conjunta. Com a consultoria do Senac RN, é prevista a elaboração e implementação da Política Desenvolvimento Local do turismo e de um modelo de gestão focado no desenvolvimento sustentável.

 

Fonte: Senac RN 

0 comentário(s)

Adolfo Menezes | O projeto político do PSD Nacional e a Chapa Governista na Bahia.

Fala, Cidadão!

O Deputado Estadual e Presidente da Assembleia Legislativa da BAHIA, Adolfo Menezes fala durante entrevista sobre: O projeto político do PSD Nacional e a Chapa Governista na Bahia e ainda: ▪️ Visão sobre a conjuntura política nacional ▪️ O projeto político do Presidente da Assembleia e seu palanque em 2022.

Venha conferir!

0 comentário(s)

[ALRN] Assembleia Legislativa do RN aprova LDO para orçamento de 2022

O Projeto de Lei de n°134/2021, do Governo do Estado, que trata da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) para a elaboração do orçamento de 2022 (Lei Orçamentária Anual – LOA) foi aprovado pelos deputados na sessão plenária desta quinta-feira (22). A LDO tem previsão de receita total em valor constante (sem considerar os índices inflacionários) da ordem de R$ 11,62 bilhões e de R$ 12 bilhões em valores correntes, que corresponde às metas anuais para valores praticados no ano da edição da peça. O texto passou pela Comissão de Finanças e Fiscalização antes de ir a Plenário e teve relatoria do deputado Getúlio Rêgo (DEM), recebendo 12 emendas.

Desse total, 11 foram aprovadas e uma rejeitada. Em justificativa, o relator apontou o que chamou de “parâmetros ultraconservadores” utilizados para as projeções de receitas por parte do Executivo. Segundo ele, o Governo do Estado subestimou os recursos que deverão estar disponíveis ao estado para que possa utilizar de forma livre a verba que vai dispor em 2022.

“Essas emendas que foram apresentadas são objeto do trabalho dos membros da Comissão de Finanças e da equipe técnica da Casa com um elevado nível de responsabilidade e acurada análise jurídica da matéria. Nada foi feito em confronto com o Executivo, mas sim para harmonizar a iniciativa governamental com os ditames legais que margeiam a peça orçamentária”, disse o relator Getúlio Rêgo (DEM).

O líder do governo na Casa, deputado Francisco do PT, afirmou que, apesar de algumas divergências em relação ao relatório apresentado, um entendimento foi construído em discussão com todos os parlamentares.

Entre as metas e prioridades para 2022 estão ampliar sistemas de abastecimento de água no RN; para a segurança pública, elaborar programas sociais visando diminuir os índices de violência, visando atingir a população mais vulnerável e realizar concurso público para recompor e ampliar o efetivo da Polícia Militar; na Educação, investir na ampla formação dos professores e servidores da Educação.

Entre as metas da Saúde Pública, construir, reformar e/ou equipar unidades de saúde e operacionalizar a rede de hospitais, por meio da qualificação e estruturação de uma Política de Atenção Hospitalar no âmbito do Estado, com estruturação do programa de cirurgias eletivas, entre outras.

A LDO orienta as metas e prioridades, incluindo as despesas de capital, estrutura e a organização dos orçamentos; as diretrizes gerais e específicas para elaboração e execução dos orçamentos, além de outras especificações para aplicação do orçamento anual para 2022.

Recesso parlamentar
A Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte terá recesso parlamentar dos dias 23 ao dia 31 de julho, de acordo com o Regimento Interno da Casa. Neste período, as sessões ordinárias, audiências públicas e comissões parlamentares ficam suspensas. Já os serviços administrativos continuam funcionando até 15h.

Até 2014, o recesso parlamentar do primeiro semestre era de um mês. Após Projeto de Resolução da Mesa Diretora, esse período foi encurtado, passando a ser de 15 dias.

 

Fonte: Assembléia Legislativa do Rio Grande do Norte 

0 comentário(s)

O Fórum de Turismo Religioso do Seridó

Fala, Cidadão!

O Representante da Diocese de Caicó, Diego Vale e a Professora de Turismo (UFRN/FELCS), Gabriela Bon, falam durante entrevista sobre: O Fórum de Turismo Religioso do Seridó e ainda As Potencialidades turísticas, religiosas e culturais da região do Seridó Potiguar.

Venha conferir!

0 comentário(s)

[FIERN] PAX/RN: presidente de Inovação, Ciência e Tecnologia da FIERN defende integração para desenvolvimento tecnológico

Presidente da Comissão Temática de Inovação, Ciência, e Tecnologia da FIERN (COINCITEC), Djalma Barbosa da Cunha Júnior fez uma enfática e entusiasma defesa da integração entre setor privado, governo, universidades e sociedade civil para o avanço do Estado na produção e difusão de conhecimento  que contribua com o desenvolvimento. O destaque para a necessidade dessa integração foi feito durante pronunciamento no auditório da Governadoria, onde na manhã desta quarta-feira (21), a governadora Fátima Bezerra e o reitor da UFRN, José Daniel Diniz, assinaram  o contrato para cessão do prédio do Parque Científico Tecnológico Augusto Severo – PAX/RN.

Djalma Barbosa afirmou que o Rio Grande do Norte tem talentos e demonstra vocações para a inovação, a ciência e a tecnologia, com uma significativa quantidade de mestres e doutores nas suas instituições de ensino superior. Ele disse que isso precisa chegar às empresas, o que pode ser feito com a participação das entidades empresariais.

“Essas produções científicas e voltadas à  inovação e à tecnologia precisam estar no DNA do Rio Grande do Norte”, acrescentou.

Ele apontou que see trata de  um desafio comum, que deve ter a participação da sociedade, e o PAX, com a assinatura da cessão, garantindo as instalações físicas ao seu funcionamento, terá um papel importante para ajudar neste esforço comum.

Na solenidade coube a Djalma Barbosa Cunha Júnior assinar a cessão como um dos representantes das entidades empresariais que testemunharam o ato.

 

O prédio do Parque Tecnológico está localizado em Macaíba. Durante a cerimônia, o Governo do RN e UFRN firmaram o contrato de imóvel para implantação do Parque Científico e Tecnológico. O Parque tem como objetivo promover o desenvolvimento inovador, científico e tecnológico do RN.

A governadora destacou que a PAX é fundamental para assegurar o crescimento sustentável do Rio Grande do Norte. Ela disse que sem uma infraestrutura tecnológica esse crescimento não é possível.

Também participaram da solenidade o secretário de Desenvolvimento Econômico, Jaime Calado, a coordenadora do PAX, ex-reitora Ângela Paiva, o vice-governador Antenor Roberto, o prefeito da Macaíba, Emídio Júnior.

 

 

Fonte: FIERN 

0 comentário(s)

[ALRN] Primeira reunião da CPI da Covid na Assembleia do RN será dia 4 de agosto

A  Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte aprovou resolução que determina instalação da CPI da Covid-19 para o dia 4 de agosto, às 14h, e também dispõe sobre a nomeação de membros, fixação de data para reunião e eleição dos cargos de presidente e vice da CPI, além da designação de relator. A aprovação na manhã desta terça-feira (20) aconteceu depois de extenso debate e com abstenções da bancada governista. A data foi sugerida através de requerimento apresentado pelo deputado Kelps Lima (Solidariedade).

Os membros titulares da Comissão Permanente de Investigação que investigará os gastos do governo estadual durante a pandemia de Covid-19 são os deputados Kelps Lima (SDD), Gustavo Carvalho (PSDB), Getúlio Rêgo (DEM), George Soares (PL) e Francisco do PT. Os deputados Galeno Torquato (PSD), Nelter Queiroz (MDB), Tomba Farias (PSDB), Ubaldo Fernandes (PL) e Isolda Dantas (PT) são os suplentes. A CPI tem prazo de funcionamento de 120 dias, prorrogáveis por mais 60 dias, mediante deliberação do Plenário.

O líder do governo na Casa, deputado Francisco do PT, cujo nome foi indicado para compor o colegiado, afirmou, durante a discussão da matéria, que “nós da bancada do governo, além de não temermos à CPI, estamos aqui para dar quorum”.

O deputado Vivaldo Costa (PSD) chegou a sugerir o adiamento do início dos trabalhos da CPI. “Estamos numa seca terrível, havendo necessidade de água em determinadas localidades. É uma hora inadequada. Agora é hora de cuidar do campo, do agricultor, das pessoas que continuam morrendo para a Covid-19 e de lutar lutando por mais vacinas”, disse.

Em contraponto, os deputados da oposição ao governo estadual defenderam a abertura dos trabalhos de investigação. “Vamos investigar e, se tiver desmandos, o governo vai ter que responder. Se não tiver, a governadora vai para disputa e o povo do RN vai dizer se ela vai ganhar ou não”, disse o deputado Galeno Torquato (PSD).

Para o deputado Coronel Azevedo (PSC), essa é uma oportunidade para “o parlamento potiguar cumprir sua obrigação constitucional, legal e moral. É uma oportunidade para o governo mostrar que não fez nada de mais”.

Também se manifestaram, durante a discussão da matéria, de forma presencial e remota, os deputados George Soares (PL), José Dias (PSDB), Dr. Bernardo (MDB), Kelps Lima (Solidariedade), Hermano Morais (PSB), Isolda Dantas (PT), Jacó Jácome (PSD), Nelter Queiroz (MDB), Souza Neto (PSB), Getúlio Rêgo (DEM), Gustavo Carvalho (PSDB) e Eudiane Macedo (Republicanos).

Os deputados da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) deverão analisar a aquisição dos respiradores pelo Consórcio Nordeste e a edição dos decretos publicados pelo estado com as medidas sanitárias de combate à pandemia.

Votação
Ainda na sessão desta terça-feira (20), os deputados da Assembleia Legislativa do RN também aprovaram, à unanimidade, a proposta de emenda à Constituição Federal, para alterar os arts. 22, 24, 30, 41 e 175, e acrescentar-lhe o art. 182-a, e o art. 115, de autoria do deputado Gustavo Carvalho (PSDB), e, de autoria do Tribunal de Contas do Estado, o substitutivo do Projeto de Lei Complementar que dispõe sobre a aprovação do anteprojeto de lei complementar que altera a Lei Complementar Estadual nº 464/2012.

 

Fonte: Assembléia Legislativa do Rio Grande do Norte 

0 comentário(s)

Cristiano Zanin | Lula é inocente e Moro parcial?

Fala, Cidadão!

O Advogado e Especialista em Direito Processual Civil, Cristiano Zanin (Advogado do Ex presidente Lula) responde durante entrevista: Em que momento ficou clara a parcialidade de Moro e da Lava jato? Afinal, Sérgio Moro admitiu se existiram ou não provas contra Lula? ▪️ Ainda há alguma pendência na justiça contra Lula? ▪️ Os prejuízos à democracia, à justiça e à economia. ▪️ Existe relação do impeachment/golpe em Dilma com a Lava jato? ▪️ Deltan Dallagnol foi vítima ou cúmplice de Sérgio Moro?

Venha conferir!